Watchmen-Os Guardiões

Numa américa alternativa dos anos 80,estão proibidos todos os super-heróis,conhecidos como "Watchmen".Quando um deles,o Comediante,é misteriosamente assassinado, um segundo elemento,Rorschach, decide iniciar uma investigação.

Um dos filmes mais esperados de 2009,incluindo por esta blogosfera fora,"Watchmen-Os Guardiões" foi um filme que me escapou vezes demais,daí esta crítica tardia.Não estou familiarizado com a BD,portanto irei analisar este filme apenas como isso mesmo e não como adaptação da série.

Para começar,tenho de referir que fiquei verdadeiramente impressionado com a excelência visual do filme,que consegue ultrapassar a de "300".A realização,a fotografia e o CGI,produzem um efeito fabuloso e que,para além de ser um regalo para os olhos,capta de imediato a atenção do espectador,devido ao facto do impressionante visual do filme ter,na minha opinião,o seu auge na magnifica cena de abertura e créditos inciais(já agora,belíssimos créditos iniciais,não?).
E aqui,há que dar todo o mérito a Zach Snyder pois,do ponto de vista visual,está de parabéns.

Contudo,Snyder falha na outra metade do "bolo".O facto,é que existe um constante desiquilíbrio que não foi em algum momento do filme preenchido,apesar da sua longa(talvez excessiva) duração,e que se prende com a atenção e o protagonismo atribuídos a cada personagem.
Se uns são explorados até em demasia(Dr.Manathann/Rorschach),outros têm bastante menos protagonismo(Night Owl II/Silk Spectre II).

Falando de outros aspectos técnicos,há que mencionar um argumento também oscilante pois,apesar de possuir momentos inspiradíssimos,diálogos interesantíssimos e uma reflexão profunda e algo filosófica sobre o mundo vivido,não é capaz de cativar(e convencer) muito o espectador na recta final do filme,culminando num climáx final algo xoxo e pouco credível.
Destaque ainda para uma excelente banda-sonora,com fantásticas canções como "The Times they are A-Changing",de Bob Dylan.

No que ao elenco toca,este é constituído por secundários pouco conhecidos mas que,e destaque muito positivo para a direcção de actores,nos conseguem oferecer interpretações muito competentes.O elemento que mais se destaca,também devido ao rumo do filme,acaba por ser Jackie Earle Haley,com uma excelente interpretação.O pior elemento,na minha opinião,não é um,mas dois,o par Patrick Wilson e Malin Akerman.

Concluindo,"Watchmen-Os Guardiões" é um bom filme,visualmente impressionante e que foge às tendências do típico filme de súper-heróis.
Nota-4*

O Melhor-O visual do filme.

O Pior-Desiquilíbrio no estudo das personagens.

2 Eloquentes Intervenções Escritas:

Filipe Assis disse...

Nunca vi o filme. Tem sido para mim uma espécie de SIN CITY. Quando estiver à venda no Jumbo por 1,50€ talvez o compre.

Cumps.
Filipe Assis
CINEROAD - A Estrada do Cinema

Jackie Brown disse...

lol
vais ter de esperar uns dez anos.
mas realmente,e visto que não gostaste de Sin City,não to recomendo.

abraço

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails