Desafio Total

No futuro, Douglas Quaid (Arnold Schwarzenegger) é um simples operário assolado por sonhos sobre Marte e uma misteriosa mulher.
Num dia como tantos outros e contrariando os conselhos da sua mulher Lori (Sharon Stone), Douglas dirige-se à Rekall, uma agência de inserção de memórias. Quando Douglas decide ter recordações imaginárias sobre uma viagem a Marte como agente secreto, passa a ser realmente confundido com um agente secreto.

À partida, "Desafio Total" tinha tudo para funcionar: Um ícone do cinema de acção, um ícone da violência gráfica, uma sensual actriz em ascensão e um argumento baseado numa obra de Philip K. Dick.
O principal problema de "Desafio Total" é a indecisão com que se apresenta ao público, tentando ser ao mesmo tempo um filme chunga e uma grande obra da sci-fi. E, como é óbvio, não consegue ser as duas coisas.

E apesar da interessantíssima premissa, esta é explorada a meio-gás e preterida a favor da violência rasca (algumas cenas são tão chungas que chegam a ser ridiculamente hilariantes).
Assim, a faceta chunga é aquela que predomina e não é a mais agradável de visualizar, especialmente para aqueles que com ela não se identificam particularmente.

De resto, "Desafio Total" não tem realmente nada que assegure a qualidade. Arnie faz de Arnie e Sharon Stone está muito longe de "Instinto Fatal".

Uma desilusão e uma fita quase insuportável.


"Consider this the divorce."
Spoiler»(Depois de assassinar a mulher.) «Spoiler

7 Eloquentes Intervenções Escritas:

Nasp disse...

Épa que nota tão fraquinha para o Total Recall... e ainda por cima a mesma do Fantasma ?????

Por causa disso dei uma vista de olhos pelo teu blog e tenho visto que filmes de SciFi não é bem o teu genero.... safa-se o Aliens pelo menos um :)

Jackie Brown disse...

Nasp,

A comparação não me pareçe muito adequada, mas acredita que até prefiro o Fantasma...

Filmes de sci-fi não é o meu género? Então porquê?

CINE31 disse...

Um dos meus favoritos de acção/sci-fi! Verhoeven Rules

Uma só palavra:
"Mutante-com-3-mamas" !

Polaris disse...

Comecei há pouco tempo a ser leitor assíduo deste blog (aproveito para dar os meus parabéns!!) e esta é a primeira crítica com a qual não concordo nada.

Tem alguma chungaria o filme e a premissa podia ter sido melhor explorada, no entanto, na minha opinião, tem algumas cenas realmente bastante interessantes para a época em que foi feito e uma história bastante sólida.

Jackie Brown disse...

CINE,

lol,a mutante é de facto um misto entre nojiçe e estupidez :P

Polaris,

Bem-vindo, antes de mais! :)

Em relação ao filme, não me estou a lembrar de nenhuma cena particularmente marcante pelos bons motivos.

Nasp disse...

Este filme não é nenhuma obra-prima, mas é bem melhor que a nota atribuida, lembro-me bem de o ter visto no Cinema na altura e gostei bastante.. adorei!!

Tem aquela pancadaria da grossa que o afasta um pouco deste genero de filmes mas no entanto cumpre bem, e sobertudo entretem bem :)


Disse que não gostavas de filmes de SciFi porque todos eles têm notas baixinhas aqui no blog :)

Jackie Brown disse...

Nasp,

Não posso mesmo concordar. O filme não entretém nada bem e definitivamente não cumpre com o pedido.
Não gostei.

E olha que sci-fi até é o meu género preferido (Alien, Blade Runner, etc..)

Cumps.

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails