Melhor É Impossível

Um neurótico escritor(Jack Nicholson) tem a sua vida virada de pernas para o ar,ao cruzar o seu caminho com varias personagens pouco ortodoxas,como uma empregada de mesa(Helen Hunt),ou o seu vizinho(Greg Kinnear).

Este é,claramente,um "feel-good movie",que podia ter passado ao lado de muitos,se não fosse o excelente trabalho de James L. Brooks,tanto na realização e produção,mas sobretudo no fantástico argumento,que torna o filme em algo muito fácil de ver,para além de nos proporcionar umas boas 2h30,que passam a correr.

A destacar está o elenco,onde temos secundários de fazer inveja a muitos,como Helen Hunt,que apesar de estar bem no seu papel,não justificava o Óscar,Greg Kinnear,também muito bem no seu papel e com uma justa nomeação para Melhor Actor Secundário e Cuba Gooding Jr.,também bem sucedido no seu papel,embora esteja demasiado secundário.Obviamente, o principal destaque vai para a lenda viva Jack Nicholson,fantástico no seu papel, e a vencer(justamente)o Óscar de Melhor Actor.


Nota-4*

O Melhor-Jack Nicholson.

O Pior-Mau aproveitamento das capacidades de Cuba Gooding Jr.

2 Eloquentes Intervenções Escritas:

Fifeco disse...

Excelente filme sem dúvida. Concordo com a nota e com as apreciações finais. Jack Nicholson é simplesmente um actor fenomenal e um dos mais versáteis que conheço.

Abraço

Jackie Brown disse...

realmente,nicholson está muito bem
abraço

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails