Os Mercenários/Resident Evil: Ressureição


É certo que não se esperava muito, mas esperava-se mais. A nível argumentativo, "Os Mercenários" vale zero. É mesmo uma mera desculpa para "tiros, bombas e murros nas trombas".
E quando tenta inventar, mete o pé na argola. O repescar do personagem de Dolph Lundgren, por exemplo, é ridículo.
Mas enfim, também não é esse o verdadeiro objectivo de "Os Mercenários", mas sim o de entreter.

Sylvester Stallone tem vindo a demonstrar cada vez mais maturidade atrás das câmaras, e apesar de 90% de "Os Mercenários" ser só acção desmiolada, é acção mais do que satisfatória.

Além disso, Stallone ainda consegue dois grandes momentos: o surpreendentemente dramático monólogo de Mickey Rourke e claro, a tão badalada cena entre o próprio e Arnold Schwarzenegger (Bruce Willis está claramente a mais) muito, muito bem conseguida.

O elenco faz aquilo que já se esperava., uns melhores do que outros.
Mickey Rourke, Jake Roberts e mesmo Stallone estão bastante bem. Jason Statham e Jet Li não.

Vale pelo entretenimento, pela honestidade e até mesmo pela alma de Stallone, que soube envelhecer o seu cinema.





Mau, mau, mau. Paul W.S. Anderson é um mero coordenador de efeitos especiais, nunca um realizador.

Clichés, irrealismo, buracos no argumento, elenco péssimo. Não consegue entreter, não se consegue ligar aos outros filmes.

Dos piores filmes do ano.

For the record, este foi a minha primeira experiência em 3D numa sala de Cinema. Não me espicaçou particularmente, bem pelo contrário...

6 Eloquentes Intervenções Escritas:

Jorge disse...

De acordo com as críticas, se bem que não menosprezava tanto o Resident Evil, ainda que não seja um projecto conseguido, longe disso. Para mim retirando o 3D (que me parece conseguido) é mesmo o pior em toda a saga. A nível argumentativo é uma nódoa. Entretenimento assegura, pouco mas consegue.

O The Expendables é tudo o que dizes, e falha como é óbvio no argumento e na direcção de actores. Mas enfim nada que não esperássemos antes de o ver. Era previsível esta abordagem, nesse sentido não me desiludi. Acção existe, e da boa na minha opinião. Da boa e da antiga :P

abraço

Jackie Brown disse...

Jorge,

Eu detestei o Resident Evil. Só vi o 3, e acho bem, bem melhor do que este.

Quanto ao The Expendables, também exagera no ridículo. Mas é irresistível ;)

Abraço

aPAULOf disse...

The Expendables... puramente BOM e BOM e BOM... por saber que o que tem de mau (durante todo o filme) é o que faz ser o filme que é. No fundo tinha de ter momentos ao nível de cada "marmanjo" do elenco. Nesse aspecto o "Machete" pisa os mesmos concneitos mas sabe a mero delirio de um puro serie B.

O Residente Evil Afterlife... opá, já se sabe ao que se vai não é? Caramba que o "Matrix" e o "Matrix Reloaded" nem descanso têm sequer uma década depois.
O melhor do filme até foi ver a "entesoasmante" cena final já depois dos créditos finais. Eu sempre achei que desde o segundo filme que todos eles tinham um handycap: falta a personagem Jill Valentine, que até veste de azul e que de tão super-mega-boa se apresentou no filme, que os outros achei-os incompletos. Aqueles meros segundos finais chegou para me "alebantar" a moral com firmeza... ai ai. Venha já o próximo que este soube a pouco!

Rui Francisco Pereira disse...

PAULO,

Eh pah o Resident Evil é horrível...
Hajam limites, já chega deste festim de burrada...

Nuno Pereira disse...

Resident Evil não é obra-prima pois não e até nem sei se é melhor que os anteriores pois já não me lembro deles, e com este vai acopntecer o mesmo daqui por uns tempos!!!...

Mas eu gosto de ver tudo, e efeitos especiais bons e gajas super-mega-boas convencem-em logo, e que venham de lá às criticas :)

O The Expandables por tudo o que representa eu tinha que o colocar nos meu Top10 do ano caso tivesse algum :)

Rui Francisco Pereira disse...

Nuno,

Já conhecia a tua adoração pelo filme de Stallone, mas em relação ao RE, discordamos..

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails