The Truman Show-A Vida em Directo


Truman Burbank(Jim Carrey) descobre que toda a sua vida é um reality show...

É do conhecimento geral que os reality shows são os programas que mais audiência atraem,sobretudo pela total falta de privacidade neles existente.Já imaginaram viverem toda a vossa vida num deles?Parecendo,à partida,uma visão tão ridícula e improvável do nosso mundo,como sermos todos vítimas de um programa de computador,a visão que Peter Weir nos apresenta em "The Truman Show-A Vida em Directo" é tão credível com a dos irmãos Wachwoski em "Matrix".
Como protagonista da fita,temos o rotulado Carrey,que surpreendeu meio mundo com a sua interpretação que lhe valeu o Globo de Ouro de Melhor Actor Drama,conquistado a estrelas como Tom Hanks ou Nick Nolte.Curiosamente,Carrey falhou a nomeação pela academia.Quanto a mim,penso que é uma boa prestação mas estava à espera de melhor.Como secundários,temos ainda Ed Harris,Paul Giamatti e Laura Linney,todos bem nos seus papéis,especialmente o primeiro.

O trabalho de Peter Weir proporciona-nos o melhor e o pior do filme.Por um lado,a forma como todo aquele universo está idealizado de uma forma magnífica,bem como os planos captados,que dão mesmo a ideia de se tratar de um reality show,são um delírio para todos.

Weir peca então pela sua abordagem demasiado lenta,que tem como consequência uma primeira meia hora demasiado parada e o aparecimento de Ed Harris com quase uma hora de filme.

No geral,"The Truman Show-A Vida em Directo" é um filme bastante interessante e que recomendo,quanto mais não seja,para verem outra faceta de Jim Carrey.


Nota-4*

O Melhor-A câmara de Peter Weir.

O Pior-Uma abordagem parada.

6 Eloquentes Intervenções Escritas:

Unknown disse...

Antes de mais bem vindo de volta e muito boa sorte para esta estadia.

Eu adorei um filme. Foi uma excelente excelente surpresa. Carey é grandioso e todo o trabalho de Weir merece os maiores elogios.

Abraço

Rui Francisco Pereira disse...

muito obrigado,caro fifeco.
espero que seja para durar...

em relaçao ao filme,as minhas expectativas eram muito altas em relação a Carrey,por isso foi uma quase desilusão.mas está bem no seu papel.

grande abraço

Roberto Simões disse...

Pessoalmente, gosto muito de Jim Carrey.

Adoro este filme, Peter Weir é um grande realizador, adoro o seu "MASTER AND COMMANDER".

Cumps.
Filipe Assis
CINEROAD – A Estrada do Cinema

Rui Francisco Pereira disse...

também simpatizo muito com Carrey.

quanto a Weir,apenas vi o seu Dead Poets Society

abraço

Tiago Ramos disse...

Mesmo assim é um filme com uma premissa interessante. Um guilty pleasure portanto.

Rui Francisco Pereira disse...

um guilty pleasure não diria,apena porque é demasiado bom para isso:p

abraço tiago

Publicar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails