Star Wars: Episódio III- A Vingança dos Sith/Busca Implacável


É incrível.
George Lucas comete, neste terceiro tomo, exactamente os mesmos erros ao nível do argumento que cometeu em "O Ataque dos Clones" (crítica
aqui)... a dobrar.

A lei do acaso, as desculpas (razões é uma palavra por demais forte...) banais para os factos ocorrentes, as bases da história ridiculamente mal fundamentadas.

Desta vez, darei exemplos. Apenas estes três que, informo, estão pejados de spoilers.

-Master Windu (Samuel L. Jackson), um Jedi e considerado soldado da paz, nem hesitou em tentar executar, a sangue frio, Darth Sidious (Ian McDiarmid);

-O grito de Darth Vader (Hayden Christensen), perto do final, provocou-me, literalmente, gargalhadas de tão ridículo que foi;

-O motivo que levou à morte de Padmé (Natalie Portman) chega a ser triste, mas de tão imponderado e fácil que é;

As incongruências... Só no ridículo jogo de "quem é melhor e mais hábil do que quem, no sabre de luz", Lucas arranja motivos suficientes para arruinar a credibilidade da história.

"A Vingança dos Sith" triunfa sobre os capítulos anteriores, apenas e só, pelo seu tom épico-dramático que garante momentos de grande, grande entretenimento.

O elenco, de uma forma geral e como seria de esperar, está bem, bem melhor. O caso mais notório é o de Christensen.

Referência final para aquela que é, provavelmente, a minha personagem predilecta de todo o universo Star Wars: General Griveous




Que delícia... Que grande guilty pleasure...

Simples, directo, honesto, puro. Puro entretenimento, sem perdas de tempo e sem momentos mortos. Não retiraria nem adicionaria a "Busca Implacável" um único segundo.

Alteraria, isso sim, a concepção da filha do protagonista. Ver uma rapariga de 17 anos, constantemente aos saltos e aos guinchos, comportando-se como se tivesse 12 anos é... absurdo.

Grande, grande interpretação de Liam Neeson.
Com mais de 50 anos, aqui um verdadeiro
bad motherfucker

4 Eloquentes Intervenções Escritas:

Roberto F. A. Simões disse...

Quanto a TAKEN não sei porque não vi, mas quanto ao Episódio III da saga STAR WARS não estou de acordo. Penso que é, tal como o Ep.II, um dos melhores da saga, com grandes cenas e grandes momentos de cinema. Aliás, ando com saudades para rever os filmes.

Cumps.
Roberto Simões
» CINEROAD - A Estrada do Cinema «

CINE31 disse...

Concordo com o Roberto!

CINE31 disse...

Na saga StarWars não há "acaso" só a "Força" ;-)

Jackie Brown disse...

Roberto,

Discordamos então.


David,

Pois, quer-me parecer que essa é uma desculpa com pouca "Força" ;)


Abraços

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails