Edições em DVD- Sacanas Sem Lei


Apesar do Cinema ser a minha maior paixão, afirmo com muito à vontade que são escassas as vezes em que realmente adquiro um DVD.
O facto é que consigo ver quase todos os filmes que me apetece (na maior parte das vezes impulsos do momento, típicos de um cinéfilo, e que se vêm a tornar Guilty Pleasures) sem ter de os comprar, ainda para mais a preços tão abusivos (o Cinema anda francamente caro em Portugal). Além disso- e isto é uma questão pessoal- gosto de pensar nos filmes que possuo (os melhores, visto que até há bem pouco tempo comprava cada porcaria...) como "os eleitos que conquistaram a grande honra de pertencer à minha DVDteca".

E se é certo que às vezes são apenas os atributos da edição que valem o produto final, não será menos certo que existem aquelas obras-primas que, por e simplesmente, têm de ser adquiridas, nem que a edição seja completamente falha em extras.

A edição de dois discos de "Sacanas Sem Lei" não é, felizmente, um desses casos.
Agora, que não acompanha a qualidade da obra de Quentin Tarantino, não acompanha. Aliás, tenho de me confessar aborrecido ao constatar (mais uma vez) que a fita foi claramente descurada pelo nosso mercado, em detrimento de filmes como "Watchmen- Os Guardiões" que teve 5 edições diferentes...

Tirado este peso dos ombros, vamos lá à análise.
A nível estético, é do mais vulgar possível e a imagem acima ilustra-a bem. Em termos de extras, a edição é constituída por dois discos, com os seguintes extras:

Disco 1


Almoço com Goebbels, Versão Alargada- É uma versão um pouco mais rica do almoço com o produtor de Cinema Goebbels, mas nada de muito significativo.

Jogo de Carta no La Lousiane, Versão Alargada- Esta sim, uma cena bem interessante e que nos deixa a pensar sobre o porquê de não ter sido incluída na versão final.

Momentos anteriores ao início de "O Orgulho da Nação, Versão Alternativa- Não é melhor do que a versão final, mas não deixa de valer a olhadela.

"Orgulho da Nação", Filme Completo- Parece-me um adição escusada e poucos se identificarão com a curta metragem que, apesar de propositadamente, não passa de uma obra oca.

Trailers- "Sacanas Sem Lei" teve alguns dos melhores trailers do ano, portanto nada melhor do que revê-los vezes sem conta, incluindo um curioso trailer asiático.

Disco 2


Programa "Mesa Redonda", com Brad Pitt e Quentin Tarantino como convidados- Claramente, o melhor de todos os extras. Meia hora interessantíssima com dois grandes nomes do Cinema da actualidade a revelarem-nos informações importantes sobre a rodagem de "Sacanas Sem Lei", enquanto tecem elogios um ao outro. Só lá faltava Christoph Waltz!

Making of de "O Orgulho de Natação"- Tão escusado como a inserção do filme no primeiro disco.

Os Sacanas Sem Lei originais- Vale pelo seu conteúdo histórico, porque se trata apenas de um (enorme) trailer do filme original.

Uma conversa com Rod Taylor- Um dos Sacanas Sem Lei originais que passou ao estatuto de actualizado. Uma excelente oportunidade para conhecer as ramificações da relação entre Rod Taylor e Quentin Tarantino, bem como um pouco do método de trabalho do segundo.

Rod Taylor e a Victoria Bitter- Aqui já é conversa a mais... Uma histórinha engraçada sobre cerveja, mas nada que enriqueça muito a nossa experiência "Sacanas Sem Lei".

O Anjo da Câmara de Quentin Tarantino- Parvoíce, quanto a mim. Alguns minutos em que assistimos a uma chinesa (aparentemente a responsável pela claquete) a gritar "Acção!", "Corta" e etc, com algum calão pelo meio.

Olá, Sallys- O contexto está relacionado com o extra anterior e graças à sua escassez de interesse, nem sequer o vou estar a explicar. Material dispensável.

Galeria de Cartazes- Graças à soberba campanha de design que "Sacanas Sem Lei" produziu, este é um extra apelativo e que contém alguns cartazes nunca antes vistos (pelo menos por mim).

Elvis Mitchell analisa os cartazes de "Sacanas Sem Lei"- Não se trata de uma análise aos cartazes acima referidos, mas àqueles que aparecem no filme (nomeadamente no Cinema de Shoshanna). Vale igualmente pelo rigor histórico e, apesar de não me ter despertado muito interesse, acaba por ser um dos extras mais completos.


4 Eloquentes Intervenções Escritas:

Fifeco (Filipe Ferraz Coutinho) disse...

Sem dúvida alguma que vai pertencer à minha colecção :p Obrigatório.

Abraço

Jackie Brown disse...

Fifeco,

Obrigatório é mais o filme em si, e não a edição.
Mas se é a melhor do mercado, porque não? ;)

Abraço

Vincent Vega disse...

Boas, era só para avisar que o Rod Taylor não é um dos Sacanas sem Lei original!

Jackie Brown disse...

Vincent,

Está feito, o aviso ;)

Enviar um comentário

O autor deste blogue apresenta os seus agradecimentos pelo comentário e relembra que este beneficiará sempre de uma resposta, já que cada comentário é tido como imprescincível e nunca subvalorizado.

Related Posts with Thumbnails